equipe trabalha no projeto de uma startup

As fases de uma startup: do powerpoint ao evento de liquidez

Sabemos que as fases de uma startup são várias, e não apenas duas. Há 4 etapas ao total: O projeto, a operação, a tração e o scale-up. 

Embora seja possível traçar paralelos nas histórias de diversas startups brasileiras, alguns estudos colocam mais e outros colocam menos etapas. 

Ou seja: Não é uma “ciência exata”.

Mas, vamos explicar essas 4 fases de uma startup e como cada uma delas funciona.

Fases de uma startup: O projeto

equipe trabalhando nas fases de uma startup

Primeiramente, é o momento de sentir o negócio, pensar em seus pontos fortes e fracos e melhorar tudo que precisa e pode ser melhorado. 

É importante salientar, no entanto, que as startups não esperam ter um produto finalizado para colocarem no mercado. 

Pelo contrário, elas estão “em beta” sempre! E usam da interação com o cliente para melhorias contínuas. 

  Pense em seu modelo de negócios, esteja próximo do seu público-alvo. Trabalhe para realizar o seu sonho! E fique tranquilo acima de tudo: em muitos casos, não é hora de pensar em um investimento robusto ainda. Você terá tempo pra isso nas outras fases da startup.

Operação

Basicamente, essa é a visão da startup. E o projeto é a missão.

Essa é a hora de projetar as estratégias iniciais e os marcos para o próximo ano ou dois no máximo.

O ideal é ter nesse momento um time muito unido na melhoria! E alto nível com habilidades e histórico comprovado se que possam fazer a diferenças no mercado, tendo desenvolvido muitas estratégias, e conhecimento de gestão e empresarial. 

Nessa fase também, o produto ou serviço precisa necessariamente estar no mercado já. Em fases de testes e com foco nos resultados numéricos e do potencial de crescimento! 

Tração

Nessa fase da startup, é a hora das vendas e do marketing pesado. Focar em parcerias e dinamizar ainda mais as estruturas. 

Uma empresa com altas margens de contribuição e boas projeções, tornando-se sólida sendo capaz de crescer independente das condições de mercado.

Scale-Up: as últimas fases de uma startup

Chegamos à última etapa. 

Porém, lembra quando dissemos que as fases de uma startup não são conceitos exatos? 

Então, scale-up é!

E o fato disso acontecer é, basicamente, um dos motivos pelos quais ela se torna o topo da cadeia e o objetivo de dez entre dez empreendedores.

Para se tornar uma scale-up, a sua empresa tem que ter um crescimento de 20% em três anos consecutivos – seja em receita ou no número de colaboradores.

Falamos, aqui, da força de vontade e psicológica de um empreendedor. Por vezes, ela é a principal rival de um empresário. E é isso que separa uma grande ideia de uma grande execução! 

Coloque isso na sua cabeça. 😊 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: